FLUXO DE PASSAGEIROS


Share Button

Evolução da Movimentação de Passageiros

A atividade turística é um ramo que merece destaque desde sua existência. No prelúdio, não era dado o devido valor a tal modalidade de atividade. Porém, com a Revolução Industrial e a Globalização, percebe-se que o poder aquisitivo dos indivíduos aumentou, fazendo com que elas tivessem mais oportunidade de usufruir dos prazeres da vida, entre eles, viagens. Dentro deste patamar, destacam-se as viagens feitas em navios, mais conhecidas como cruzeiros marítimos. É um segmentos turístico que merece ser enfatizado, pois é um dos que mais cresce no mundo, levando desenvolvimento e gerando emprego às localidades que possuem ou pretendem implantar terminais para o recebimento de turistas.

De acordo com a Associação Brasileira de Representantes de Empresas Marítimas (http://www.abremar.com.br/pdf/Dados-Economicos-2004-a-2010.pdf), os números de cruzeiros marítimos de cabotagem circulando na costa brasileiro, triplicou de 2004 à 2010. Esses dados são derivados da boa faixa litorânea, propícia a navegação, em quase toda a costa brasileira. O número de cruzeiros com passageiros estrangeiros também tem crescido nos últimos anos.

O crescimento da modalidade de cruzeiros marítimos, voltado para o lazer, descanso e diversão, exige o desenvolvimento de estruturas humanas e físicas para o recebimento destas embarcações. É importante uma boa estrutura de atracação que ofereça segurança, praticidade e facilidade para atender as necessidades do navio (como abastecimento de combustível e água), bem como dos passageiros.

O Porto de Cabedelo ainda não se destaca pela quantidade de passageiros que ali atraca. Já passaram navios de diferentes grupos em diferentes épocas, fazendo com que os gestores pensassem na construção de um terminal de passageiros para receber esses navios.

Atualmente, os navios que atracam no Porto e Cabedelo, ancoram no berço nº 102, que está localizado próximo ao corredor central, que dar acesso a área externa do porto. Os passageiros são recepcionados na própria área portuária, próximo aos armazéns, em um pátio coberto que dispõe de banheiros e pouca infraestrutura turística. A tabela abaixo apresenta os números de navios que atracaram no Porto de Cabedelo nos últimos 10 anos.

Navios de passageiros que atracaram no Porto de Cabedelo

navios de passageiros que atracaram no porto de Cabedelo
ANO Nº DE PASSAGEIROS
2002 1
2003 0
2004 1
2005 4
2006 10
2007 3
2008 1
2009 5
2010 10
2011 0

 

Em 2004 houve a atração do Navio Pacific de bandeira portuguesa, onde 625 turistas brasileiros visitaram a cidade de João Pessoa e os Litorais Norte e Sul do Estado da Paraíba. Esse foi o primeiro navio de passageiros de grande porte que chegou ao Porto de Cabedelo. Em 2006 houve 07 (sete) atracações com, aproximadamente 700 turistas cada um, chegando a quase 5.000 visitantes.

Neste período, temporada 2005/2006, a Empresa Paraibana de Turismo – PBTUR realizou pesquisa de demanda turística com os turistas dos cruzeiros. A maioria, quase 96% dos entrevistados, de acordo com as respostas, tem a intenção de retornar ao Estado.

Nessa pesquisa foram ouvidas 226 pessoas, dos 1.850 passageiros. A maioria deles (28%, em média) era oriunda do Estado de São Paulo. Do total dos entrevistados, 55,97% eram homens e 44,03% mulheres, com idades superiores a 35 anos. As pesquisas foram realizadas nos dias 2, 21 e 28 de janeiro.

 

 

Terminal de Passageiros

O Governo Federal, através do Ministério do Turismo, e o Governo do Estado da Paraíba têm programas para incentivar o turismo interno e de estrangeiros no Brasil.

O projeto já existente prevê a construção de um berço para atracação de navios de passageiros, a jusante do Porto e a montante do Terminal Marítimo Urbano – T.M.U. Este projeto contempla oferecer uma estrutura terrestre moderna de receptivo, que contará com área aproximada de 2.700 m², oferecendo acesso facilitado a Fortaleza de Santa Catarina, atrativo turístico da cidade de Cabedelo.

Faz-se oportuno lembrar que o Porto de Cabedelo tem posição geográfica privilegiada, que facilitará a vinda de tais navios para incrementar o turismo, não apenas do município, mas do Estado da Paraíba como um todo. O Porto está localizado próximo a vários atrativos naturais locais, como a Ilha de Areia Vermelha e a Praia de Jacaré, onde pode se contemplar um belo pôr-do-sol, ao som do Bolero de Ravel. A construção deste terminal ainda merece destaque no que tange o montante de divisas, renda e empregabilidade geradas pelo desenvolvimento do turismo.

Com o investimento, o Ministério do Turismo, através do Plano Nacional do Turismo, visa, entre outros pontos, garantir a qualidade e a sustentabilidade dos destinos turísticos e criar condições para implantação de equipamentos turísticos na localidade beneficiada.

Share Button